Assine nossos Feeds

RSS Feed (xml)

Powered By

Skin Design:
Free Blogger Skins

Powered by Blogger

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Principais Poetas Cearenses


Antônio Gonçalves da Silva, mais conhecido como Patativa do Assaré (Assaré, Ceará, 5 de março de 1909 — 8 de julho de 2002) foi um poeta popular, compositor, cantor e improvisador brasileiro. Obteve popularidade a nível nacional, possuindo diversas premiações, títulos e homenagens (tendo sido nomeado por cinco vezes Doutor Honoris Causa). Uma das principais figuras da música nordestina do século XX. 




Juvenal Galeno da Costa e Silva (Fortaleza, 27 de setembro de 1836 — Fortaleza, 7 de março de 1931) foi um poeta brasileiro, de grande destaque nas letras cearenses, e um dos fundadores do instituto do Ceará, Patrono da Cadeira nº 23 da Academia Cearense de Letras.







Rodolfo Marcos Teófilo (Salvador, 6 de maio de 1853 — Ceará, 2 de julho de 1932) foi um escritor brasileiro de estética literária regional-naturalista, além de poeta, documentarista, contista e articulista. Foi membro fundador da Academia Cearense de Letras. É considerado um dos principais expoentes da literatura regional-naturalista do Brasil e um dos maiores nomes da literatura do Ceará. Em sua homenagem, o Centro Acadêmico de Farmácia da Universidade Federal do Ceará tem o seu nome. 




Artur Eduardo Benevides (Pacatuba, Ceará, 1923) é poeta, ensaísta e contista brasileiro, com mais de quarenta livros publicados. É membro da Academia Cearense de Letras, da Academia Cearense de Língua Portuguesa e da Academia Fortalezense de Letras, integrante, também, do Grupo Clã. É vencedor de mais de trinta prêmios literários, destacando-se a Bienal Nestlé de Literatura, em 1988.



O saudoso sacerdote cearense Padre Antônio Tomás (1868-1941), foi considerado “Príncipe dos Poetas Cearenses”, título justo e merecido, pois seus versos ficaram consagrados, notadamente ‘O Palhaço’, ‘Eva’, ‘Contraste’, ‘Mater Dolorosa’, ‘Emigrantes’ e inúmeros outros. 



Antônio Bezerra de Meneses (Quixeramobim, Ceará, 21 de fevereiro de 1841 — Fortaleza, 28 de agosto de 1921) foi um naturalista, historiógrafo e poeta brasileiro. Escreveu obras que são referências para a compreensão da história do Ceará. Colaborou com diversos jornais da capital, dentre eles O Ceará e o Libertador, tendo sido um dos fundadores de ambos. Foi também fundador do Instituto do Ceará. É patrono da 4ª (quarta) cadeira da Academia Cearense de Letras. 




Aderaldo Ferreira de Araújo (Crato, 24 de junho de 1878 — Fortaleza, 29 de junho de 1967), mais conhecido como "Cego Aderaldo" foi um poeta popular cearense que se destacou por seu raciocínio rápido improvisando rimas e repentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
http://www.twitterbuttons.com
By TwitterButtons.com